O curso Introdução às Literaturas Africanas de Língua Portuguesa objetiva abordar de forma introdutória e panorâmica as literaturas provenientes de Angola, Moçambique, Cabo Verde, São Tomé e Príncipe e Guiné Bissau. O conhecimento dos principais autores e das questões que estruturam e movimentam essas literaturas é indispensável para uma maior compreensão da produção literária africana contemporânea. Além disso, conhecer a literatura desses países africanos traz à tona o seu profundo diálogo mútuo com a literatura brasileira. Este curso busca, ainda, auxiliar os docentes que, em consonância com a lei 10.639/03, buscam melhor aprender e lecionar sobre o que se produz contemporaneamente na África em matéria literária.

O curso abordará os seguintes saberes:

  1. O significado do colonialismo europeu para a África: assimilação e tentativa de apagamentos
  2. O papel ativo da Literatura nos movimentos de libertação dos países africanos de Língua Portuguesa
  3. Principais autores e obras da Literatura Angolana
  4. Principais autores e obras da Literatura Moçambicana
  5. Principais autores e obras da Literatura Caboverdiana
  6. Principais autores e obras da Literatura Guineense
  7. Principais autores e obras da Literatura Santomense
  8. Influências da Literatura Brasileira nas Literaturas Africanas de Língua Portuguesa

O Professor:

Pedro Paulo Machado é Mestre em Literaturas Africanas de Língua Portuguesa pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, Bacharel em Literaturas pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e autor dos livros: Introdução às Literaturas Africanas (2021), Vozes da Margem, Vozes na Margem – Narrativas fora de Centro (organizador, Antologia de contos, 2021), Brilha a Escuridão dos seus olhos (Romance – 2020), Nos Confins do Confinamento (coautor, Poesia, 2020), Morro de Saudades – Quatro Caminhos para o Morro do Castelo (coautor, Contos, 2020), Cadernos Negros n.43 (Antologia, Poesia, 2020).

Informações:

Data: A Definir
Investimento: A Definir
Modalidade: EAD
Carga Horária: 20h
O curso oferece certificado de participação para quem concluir no mínimo 75% dos módulos.