Divulgados os autores da Antologia Vozes da Margem, Vozes na Margem

O livro “Vozes da margem, vozes na margem: narrativas fora de centro” tem como objetivo reunir contos que representem as vozes pouco ou nunca ouvidas em nossa sociedade. Busca-se, assim, através desta antologia, apresentar um novo olhar a respeito dessas vozes que emergem das margens silenciadas da sociedade brasileira.

Entende-se, desta maneira, que a proposta é cultivar um fazer literário que invada o espaço dominado por narrativas totalitaristas opressoras, que historicamente se impõem como ponto focal autoritário de onde emergem estéticas preconceituosas e discursos antidemocráticos, trazendo, para o centro do debate, vozes que denunciem a violência da sociedade brasileira, vozes que ainda não estão suficientemente bem representadas no Cenário Literário.

Trata-se de uma obra literária de representação das vivências daqueles que compõem o Brasil dos excluídos e dos alijados de qualquer participação mais ativa em nossa sociedade.

Essas vozes não gozam do mesmo espaço e da devida atenção em uma sociedade que ainda tenta mascarar seu preconceito de classes, seu racismo estrutural, seu machismo latente, sua homofobia e toda uma gama de preconceitos contra minorias que já se encontram naturalizados nas relações sociais atuais ainda extremamente verticalizadas. As consequências destas tendências anacrônicas que ainda persistem na sociedade hodierna são devastadoras: a violência doméstica sofrida pelas mulheres, tendo como pano de fundo a submissão a toda uma visão patriarcal que tenta reduzi-las desde o nascimento; o assassinato de negros e pobres nas periferias, tendo como pano de fundo as guerras do tráfico e a repressão policial; a homofobia, o bullying e muitas outras formas de violências que esta antologia se dispõe a denunciar.

Assim, convidamos todos vocês para conhecer, através desta antologia, a vivência dos marginalizados e dos periféricos, com todos os seus percalços, obstáculos colocados pelas desigualdades sociais, sofrimentos, dores e, por que não?, suas alegrias, amores, grandes feitos, enfim, a vida tal qual é.

Confira aqui os contos e os autores que integrarão a Antologia Vozes da Margem, Vozes na Margem: Narrativas fora de centro:

A fada das amoras – Lu Fernandes
A poesia de Odara – Márcia Pereira
A vida segue – Neuza Soares Carneiro
Abacatear – Mainara Galvão
Afeto negado – Cristina dos Santos
Alina – Anna Riemer
Ascensão e queda de Walace – Janaína Nascimento
Círculo feminino – Anngela Antonelli
Dalji – Bruna Ataíde
Das águas de um rio Mulher – Diêgo Alves
Delas benditas – Diêgo Alves
Desnudo – Pedro Paulo Machado
Dias silenciados, vozes negras – Hérica da Silva de Oliveira
Enfim a justiça veio – Giovani Miguez
Feridas de cor escarlate – Leonardo Vichi
Germana Gata – Diêgo Alves
Juventino Curió avoado – Bebel Barbalho
Maré – Diego dos Santos Reis
Memórias escondidas de Jamile – Janaína Nascimento
Metade Gabriela, metade Juliana – Bebel Barbalho
Nazinha – Diêgo Alves
Nellen, ninguém precisa saber – Ana Elicker
O espírito mais forte – Anna Riemer
O exílio de Regina – Bella Sarquiz
O privilégio de se dar as mãos – Beatriz Chaves
Os segredos do bom ladrão – Samily Carias
Perturbação – Augusta Santo
Popó – Matteo Azevedo
Redemoinhos – Anna Riemer
Sobre rosas, cravos e espinhos – Diêgo Alves
Somos seres metafóricos – Gilmair Ribeiro da Silva
Todos contra Sara – Pedro Paulo Machado
Um adulto como qualquer outro – Filipe Schleimer
Uma flor de Lajedo – Derivânia Santos

Os Organizadores:

Ana Elicker é gaucha, da cidade de Rolante/RS, Doutoranda em Diversidade Cultural e Inclusão Social, Mestra e Bacharel em Letras pela FEEVALE/RS. Possui especialização em Gestão Escolar pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul e em Educação de Jovens e Adultos pela PUC/RS. É professora da rede pública de Ensino Fundamental e Médio. Atua como Pesquisadora com bolsa da CAPES com pesquisa em Literacia Digital e Aprendizagem Criativa. Atua ainda como palestrante. Foi vencedora das etapas estadual e regional sul do 11º Prêmio Professores do Brasil. MEC. Como escritora, publicou os seguintes livros de contos e poesias: As Pontes (2001), Vozes de Fogo (2003), Ana, para ler e sentir (2005), Três (2018) e Retalhos – Quarentena Poética (2020), além de ter realizado inúmeras participações em antologias. É ainda autora dos seguintes livros técnicos: Literacia Digital (2020) e Literacia Digital, Gêneros e Mídias em sala de aula (2020). É membro da Sociedade Literária do Morro do Castelo e Coordenadora do Núcleo Conectando Saberes, na cidade de Rolante/RS.

Pedro Paulo Machado, nascido e criado na Favela Vila Operária, em Duque de Caxias (RJ), é professor de Literatura para o Ensino Médio e é formado como Bacharel em Literaturas e Mestre em Literaturas Portuguesa e Africanas pela UFRJ. Pesquisa Literatura Brasileira com foco em autores negros nacionais como Machado de Assis, Lima Barreto e Cruz e Souza. Tem especial interesse pelas tradições africanas e pela história das comunidades periféricas do Rio de Janeiro. Dentre suas publicações estão o conto “Débora Rosa do Castelo”, na antologia intitulada “Morro de Saudade: quatro caminhos para o Morro do Castelo”, publicada pela Sociedade Literária do Morro do Castelo, grupo que integra como membro fundador, e a coautoria no livro “Nos Confins do Confinamento”, com poemas seus e poemas visuais de Leonardo Vichi. Seu primeiro romance, “Brilha a Escuridão dos Teus Olhos”, encontra-se no prelo para ser lançado pela Editora Alpheratz.

A obra se encontra em pré-venda na Livraria Dante.